5/12

large

Querido Maio, seja bem vindo.
Te abri mais cedo a porta e já deixei pronto o café na mesa.
Se possível, chegue com calmaria, recomeços, risos e um travesseiro. A casa já estava esperando por você.

Preparei-me para o seu outono. Quando a chuva chegar, com as suas gotas intensas, estarei pronta para abrir o guarda-chuva, ou quem sabe, sair dançar embaixo dela. Quando as folhas caírem, lembrarei que elas nasceram e brilharam, cumpriram sua sentença e neste caso, queda significa descanso. Quando o vento surgir desejando arrastar tudo, o deixarei que leve apenas os transtornos. Suas tempestades não irão abalar aqui dentro, eu mesma me certificarei disso. Ansiarei pelo sol a cada manhã, e quando enxergar seus raios entrando pela janela, entenderei que seu brilho veio trazer-me novas esperanças.

Traga amor, traga vontade. Faça com que as quartas-feiras sejam interessantes, e as segundas menos chatas. Faça-me encontrar o acaso, e que o acaso me faça feliz.

Cada 24h suas serão um novo start, uma nova chance. Hoje iniciou-se apenas o primeiro capítulo, a página 1/31, e todas as minhas expectativas estão espalhadas em ti.

Surpreenda-me.

 

Renata K.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s